Ragu de costela de boi

ragu-de-costela-de-boi

 Ingredientes:

  • 3 colheres (sopa) de óleo
  • suco de 1 limão
  • 4 folhas de louro
  • 1,2 kg de carne de costela de boi desosada e limpa cortada em cubos
  • 2 cebolas médias picadas
  • 4 dentes de alho esmagados ou em filetes
  • 6 tomates maduros em cubos
  • 4 cubos de caldo de costela
  • 250 ml de vinho tinto (de boa qualidade)
  • 1,2 l de água
  • 1 xícara (chá) de polpa de tomate
  • ervas a gosto (manjericão, tomilho, salsinha, cebolinha, orégano frescos)

Modo de fazer:

Lave muito bem a carne e deixar no suco de limão. Coloque o óleo em panela de pressão e sele a carne aos poucos e reserve. Depois de selar toda a carne, volte tudo pra panela e colocar a cebola e o alho. Misture e deixar refogar bastante, mexendo sempre. Quando a cebola estiver mais translúcida, coloque o 1,2 l de água fervendo, o louro e os cubos de caldo de costela. Cozinhe na pressão por 35 minutos (conte o tempo após a pressão iniciar). Desligue a panela e espere sair a pressão. Abra a panela e veja se a carne está bem macia. Ela deve desfiar fácil, com a ajuda de um garfo. Se preciso, deixar mais um pouquinho na pressão. Desfie toda a carne e volte para o caldo da panela. Junte o tomate, o vinho, e a polpa de tomate. Cozinhe com a tampa aberta, até o caldo engrossar. Coloque as ervas, mexa por 2 minutos.

DICA: Muito gostoso para comer com polenta, massa, pão, etc.
DICA1: Não use vinho tinto de segunda, pois estraga a receita.
DICA2: Para a carne não soltar água na hora de selar, frite aos poucos sem colocar nenhum sal (na receita não vai, mas a dica serve para qualquer preparo que tiver que selar a carne) e só mexa na carne para virar somente na hora que o cinza estiver chegando na parte que ficou pra cima do óleo, aí, vire delicadamente SEM FURAR com o auxílio de uma escumadeira ou uma pinça. Isso vai diminuir muito a água que a carne solta e vai manter todos os sucos dentro dela, deixando-a macia e deliciosa.